Bem-Vindo!

Blog Post

7 estratégias para induzir seus clientes às compras no ponto de vendas

0 Flares 0 Flares ×

O layout de seu ponto de venda, bem como a ordem em que os produtos são disponibilizados ao longo das prateleiras, tem muita influência sobre seu consumidor. Utilizando técnicas de merchandising – o marketing para PDVs (ponto de vendas)–, você desperta o desejo de compra no cliente por produtos que não estavam no seu planejamento. Dessa forma, garante mais vendas e maior lucratividade para o seu comércio.

Existem diversas técnicas nesse sentido, simples e práticas, que você pode aplicar no seu PDV. Confira a seguir as 6 estratégias mais eficazes!

Vitrine equilibrada

Uma vitrine muito cheia não chama a atenção do cliente para algo em particular. Porém, uma vitrine muito vazia também não incentiva a pessoa a parar em frente, para ver o que tem de bom. Produza uma vitrine equilibrada, que destaque produtos em promoção ou lançamentos. Da mesma forma, troque com frequência os produtos ali mostrados. Uma vitrine com essas características é responsável por um número impressionante de vendas em lojas.

Estímulo emocional

Uma compra por impulso normalmente está ligada a uma emoção positiva que a pessoa sente quando está no PDV. Para despertar esse bem-estar nos clientes, os elementos do seu comércio precisam trabalhar em conjunto para atingir os cinco sentidos do ser humano.

Mantenha o lugar bem iluminado, podendo até utilizar luzes direcionadas aos produtos que você quer chamar mais atenção. Cuide da temperatura ambiente e coloque algum som agradável, pois assim as pessoas ficarão mais tempo no lugar e consequentemente comprarão mais. Outra forma de indução à compra é por meio da apresentação e/ou degustação de produtos. O aroma do local também é importante, então mantenha o ambiente arejado e, dependendo do caso, coloque um aromatizador suave para que as pessoas se sintam bem naquele lugar. Agora, se você vende flores, por exemplo, ter o cheiro natural das plantas é o melhor marketing para o seu PDV. Da mesma forma, em uma padaria, o cheirinho de pão recém-feito será o melhor convite à compra.

Cesta ou carrinho de compras maior

A lógica é a mesma do tamanho de pratos na refeição: pratos maiores fazem a gente servir mais comida, mesmo que não tenhamos apetite para comer tudo. Assim também, no PDV, se você tiver cestas ou carrinhos maiores, o cliente terá a impressão de que não comprou muito, pois ainda tem espaço disponível. Desse modo, um tamanho maior incentiva um maior consumo.

Organização dos produtos

A estratégia de organização dos produtos é totalmente necessária para um bom merchandising. Coloque os produtos de primeira necessidade para seu cliente sempre ao fundo do comércio, de modo que ele tenha que percorrer todo o PDV e, assim, acabe vendo e pegando mais produtos no caminho. Já na entrada da loja, coloque produtos que tenham uma maior margem de lucro, pois nesse momento o cliente ainda está com o carrinho vazio, sendo mais facilmente convencido a comprar coisas mais caras, já que ainda não gastou com nada.

Nas prateleiras, coloque os principais produtos à altura dos olhos de uma pessoa com altura mediana. Nas prateleiras inferiores, coloque os produtos que possam interessar a crianças. Outra boa prática é deixar alguns itens faltando na prateleira, o que dá a impressão de que tal mercadoria está sendo muito comprada, assim estimulando o cliente a comprá-la também.

Gôndolas próximas aos caixas

O tempo que o cliente está esperando no caixa, mesmo que não haja tanta fila, é um momento ocioso, em que olha ao redor e pensa se não esqueceu de comprar nada. Por isso, é muito interessante colocar produtos baratos e supérfluos nas gôndolas próximas do caixa, como bombons e balas. Normalmente, o consumidor acha que o valor é pequeno e não aumentará tanto sua conta, acabando por levar mais algum produto.

Precificação e incentivos visuais

Conseguir visualizar com facilidade o preço da mercadoria é um incentivo à compra, pois o consumidor desiste rápido da aquisição se demorar para encontrar o preço de um item que não seja essencial para ele. Por isso, é importante que todos os produtos estejam devidamente precificados.

Outros incentivos visuais a compras podem ser colocados na loja, como adesivos com mensagens promocionais, banners, cartazes e faixas de gôndola com ofertas. As etiquetas de preço em promoções, bem como outras sinalizações maiores, precisam chamar atenção do cliente, com cores destacadas e números bem visíveis.

Que tal aplicar essas dicas no seu PDV? Com certeza, você venderá muito mais!

0 Flares Facebook 0 0 Flares ×

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Posts Relacionados

o poder das aparências aprenda porque ter uma fachada bonita influencia nos lucros
O poder das aparências: aprenda porque ter uma fachada bonita influencia nos lucros

Nós vivemos em um mundo onde a aparência diz muito a respeito das pessoas.

comunicação visual
Entenda a importância de uma comunicação visual estratégica para a sua loja

A técnica de comunicar através de elementos visuais, como imagens, fotografias e símbolos gráficos,

posicionamento de gôndolas
Entenda por que o posicionamento de gôndolas pode ser decisivo nos resultados do seu comércio!

Diversos aspectos influenciam no sucesso ou fracasso de um comércio. Localização estratégica, organização do

exemplos de merchandising
5 exemplos de merchandising criativos para você se inspirar

O ponto de venda é o local em que o cliente decide, de fato,

pdv
Como definir quais os produtos entrarão em promoção em seu PDV

A promoção é a ferramenta de marketing mais popular de todos os tempos e,

merchandising
Merchandising? Entenda o que é, e a importância da técnica para o seu PDV

Entre tantas opções no mercado e dentro do próprio Ponto de Venda (PDV), como

0 Flares Facebook 0 0 Flares ×